Bolsonaro é SIM nazifascista



O presidente Jair Messias Bolsonaro está tentando censurar a imagem acima. Na acusação, sua equipe afirma ser calúnia e difamação associar a imagem do chefe da nação ao nazismo.


Pois bem, resolvi divulgar a imagem e dar algumas (muitas) justificativas porque É CORRETO associar Jair Messias Bolsonaro ao NAZISMO e ao FASCISMO:


  1. Bolsonaro ascendeu na política em um momento de forte insatisfação política e crise econômica e moral. Hitler e Mussolini fizeram o mesmo;

  2. Bolsonaro surgiu como o salvador, o messias que prometia resolver todos os problemas, combater a corrupção e tirar o Brasil do buraco. Hitler e Mussolini, também;

  3. Bolsonaro é visto por muitos como o mito, a amostra clara do que é puro, digno, correto. Hitler, também;

  4. O slogan do governo é "Brasil acima de tudo". Dos nazistas, “Deutschland über alles”, que significa, "Alemanha acima de tudo";

  5. A construção do partido Aliança Pelo Brasil é baseada na ideia de um partido limpo, anticorrupção, de extrema direita, militarista e fundamentalmente pautado na ideia de que o Brasil é soberano e forte. O partido nazista, também;

  6. Bolsonaro não poupa esforços para repreender a sexualidade, nega e inferioriza o feminino, os gays e outras minorias e rejeita a discussão sobre gênero. Hitler fazia o mesmo;

  7. 7. Bolsonaro agrupa vários ódios. Sintetiza e os apresenta em discurso simples, que traz identificação aos seus seguidores. É ódio aos indígenas, pessoas que vivem nas ruas, quilombolas, negros, gays, população trans, políticos opositores. Hitler fazia o mesmo;

  8. Bolsonaro criou e alimenta inimigos comuns: comunistas e socialistas. Aqueles que são a escória da sociedade e responsáveis por todo o mal. Sem eles o Brasil seria um lugar de paz. Merecem ser extintos. "Vamos metralhar a petralhada". Para os nazifascistas, é "nós contra eles". Hitler fez o mesmo;

  9. Bolsonaro tem obsessão pela segurança nacional e aversão a imigrantes, considerando estes um risco para a população. Hitler fazia o mesmo;

  10. Bolsonaro nutre uma ideia nacionalista onde seus apoiadores são os verdadeiros patriotas, donos das cores da bandeira, verdadeiros donos da nação. O resto, deve respeito a eles. Hitler fazia o mesmo;

  11. Bolsonaro usa a propaganda e as fake news como combustível da sua gestão. Não há propostas, mas sabem manipular e pautar a mídia e a população. Tentam controlar os meios de comunicação e, quando não conseguem, perseguem e deslegitimam os veículos tradicionais. Hitler e Mussolini faziam o mesmo;

  12. Bolsonaro alimenta teorias da conspiração e se vitimiza, alegando que há uma conspiração mundial para derrubá-lo, todos os veículos de mídia internacional são comunistas, Leonardo DiCaprio financia fogo na Amazônia, ninguém o deixa governar etc... Hitler fazia o mesmo;

  13. Bolsonaro insiste em interligar seu governo com a religião, afirmando que não-cristãos devem se curvar aos cristãos. Os nazistas faziam o mesmo;

  14. Bolsonaro despreza os Direito Humanos, pois, segundo ele, "essa bandidada" vive de politicagem e suas ações prejudicam seus planos de justiça. Os Direitos Humanos foram criados, justamente por causa das atrocidades cometidas na segunda guerra por ditadores como Hitler e Mussolini;

  15. Bolsonaro despreza a ciência, as artes e a história. Haja vista as inúmeras declarações contra a ciência, o descaso com o incêndio no Museu Nacional e o revisionismo histórico. Hitler, apesar de amante das artes, fazia o mesmo;

  16. Na mesma linha, o ataque a organizações de livre pensamento como as universidades e instituições de ensino e pesquisa, considerados por eles espaço de doutrinação. Hitler fazia o mesmo;

  17. Apreço pela violência e morte e desprezo pela vida ao expressar elogios e homenagear criminosos e torturadores. Hitler admirava os mesmos perfis;

  18. Bolsonaro faz investidas constantes a toda e qualquer instituição que prejudique seu projeto de poder totalitário e antidemocrático, como o STF e o Congresso Nacional. Hitler fazia o mesmo;

  19. Bolsonaro alegou ter uma "Inteligência paralela" e há provas contundentes que ele possui envolvimento com milícias perigosas. Hitler tinha a GESTAPO, que era uma milícia que atuava na sua proteção e combate a qualquer oponente;

  20. Bolsonaro minimizou mais de uma vez a pandemia, dizendo que só morriam pessoas mais velhas e doentes. Ao fazer isso, não por acaso, ele aplica uma ideia eugenista, que prevê a "melhoria" da raça humana, mantendo-se, apenas, os melhores exemplares. Hitler fez o mesmo;

  21. Bolsonaro incita constantemente a população a vigiar e denunciar atos dos "inimigos", como os comunistas, doutrinadores e socialistas. Foi o que ele fez ao pedir que a população filmasse e denunciasse os professores, UTIs de hospitais, funcionários públicos contrários ao governo etc. Hitler e Mussolini faziam o mesmo;

  22. Bolsonaro tem promovido uma militarização do Estado, estimulando a abertura de colégios militares em massa e incluindo integrantes das forças armadas subalternos (e sem qualquer qualificação), para ocupar cargos estratégicos, como o ministro da Saúde interino. Hitler fez o mesmo;

  23. Bolsonaro promove um genocídio, diante da maior crise sanitária da nossa geração. Ele desqualificou a ciência, demitiu ministros contrários aos seus interesses pessoais, causou confusão na gestão da crise, criticou prefeitos e governadores que seguiram orientações científicas e não apresentou plano de enfrentamento da pandemia. Hitler e Mussolini também foram grandes genocidas;

  24. Bolsonaro manipulou as informações sobre as queimadas na Amazônia, os números da violência policial no Brasil, o número de doentes e mortos pela Covid-19 e as investigações que envolviam sua família e amigos. Hitler e Mussolini fizeram o mesmo;

  25. O secretário de Cultura do governo Bolsonaro fez um vídeo usando o cenário, trilha sonora e texto de um discurso do ministro da Propaganda de Hitler;

  26. Bolsonaro e seus seguidores, em uma alusão aos supremacistas brancos, fizeram vídeos tomando copos de leite;

  27. E por último, mas não menos importante, os principais seguidores de Jair Bolsonaro (que se sentem mais fortemente representados) fazem manifestações antidemocráticas repletas de símbolos nazistas, fascistas, extremistas e que pregam supremacia branca. Bolsonaro participou de muitas delas.


Portanto, é importante entender que SIM, Jair Messias Bolsonaro tem todas as características e ações necessários para caracterizá-lo como um líder neo-nazifascista. E é bom lembrar que o fascismo não é apenas uma ideologia. É um método de fazer política. O nazismo não se iniciou com campos de concentração e assassinatos em massa, ele vai testando os limites das instituições e se esforçando para implantar eu regime e mantê-lo, mesmo que com muita violência.



FALE COM A GENTE

Estamos nas redes sociais

Outras formas de contato